Terraço

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Terraço

Mensagem por Secret em Sex Ago 09, 2013 8:31 pm

Relembrando a primeira mensagem :

O terraço é um cômodo bastante usado pelas moradoras da cobertura, é um espaço amplo que conta com poltronas e sofá e também cadeiras de sol, uma pequena piscina e uma ampla vista para toda a cidade. Aqui são realizadas as festas das Bertrand e também as pequenas recepções. Sua decoração é minimalista e rústica com muitos traços modernos  Possui uma pequena área coberta que conta com mesa e cadeiras para almoços ao ar livre e em um canto uma jacuzzi para momentos relaxantes. A cobertura ocupa apenas metade do topo do prédio já que a outra metade é reservada ao heliporto, bastante utilizado por Conrad e Giselle Bertrand nas visitas as suas filhas.
Secret
avatar
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Terraço

Mensagem por Rachel Horowitz-Berry em Dom Ago 18, 2013 1:21 am


Last Friday Night  ♥

With: Harry Edward | Clothes: Vestido de Festa da Rachel | Feeling: Pretty


Aquele momento poderia ter sido pausado, ai eu poderia sair correndo. Harry havia percebido meu desconforto ao entrar no prédio, culpa da minha mente fotográfica que me lembrou que era exatamente ali onde eu havia passado meu primeiro Drama de New york.
Eu tinha duas opções, ou eu mentiria, dizia que era só impressão dele, ou eu falaria a verdade sobre tudo, sobre Eckl, sobre a morena e sobre a festa que se tornou o começo de um triangulo. Eu decide ficar num meio termo. - É, que eu já estive aqui antes, numa festa e não foi muito legal mas tudo bem, é só esquecer ... Suspirei aliviada, minha mente produziu aquela resposta num flash, para minha surpresa que não costumava ser tão esperta em momentos assim. Nesse momento percebi que estava próxima a Harry, a musica era tão alta que era meio automático a aproximação para falar algo. Dei um pequeno passo para trás e comecei a dançar novamente tentando disfarçar que fui pega de surpresa por aquela pergunta. A expressão de Harry deixou a desejar, talvez ele tenha ficado confuso com minha resposta, tinha que fazer algo para mudar o clima que havia ficado ali. Sem ter um mínimo de controle dos meus atos segurei na mão de Harry e deslizei para trás, com braço do garoto esticado fui girando e me enrolando sobre seu braço até chegar no próxima a ele e segurei nos ombros dele. Sorri e me afastei dançando novamente, talvez aquela ação repentina mudasse o rumo da nossa conversa.

#HOME #BROOKLYN #HARRY ♥
I'm the one who want love you more ♥

flarnius
Rachel Horowitz-Berry
avatar
The city that never sleeps.
I don't know, you dare find out?
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Lunna Hill Kowalczyk em Dom Ago 18, 2013 7:59 pm

The Party
Vestindo Bertrand's house Quente Mirella
Muita calma nessa hora, você sabe muito bem que eu fico indecisa, ainda mais quando vou para uma festa. — Apareceu no vão da porta terminado de passar o batom vermelho em seus lábios carnudos.

Sim, ela demorou cerca de três longas horas para decidir o que vestir e mais uma hora para tomar um banho relaxante e arrumar-se da forma como ela gosta:  uma blusa soltinha que deixava sua barriga amostra, uma saia que ia até metade de sua coxa listrada; nos pés usava um salto alto. A maquiagem era vibrada somente para seus lábios, uma sombra fraca e um blush para dar mais naturalidade. Seu cabelo estava cacheados nas pontas e soltos. Era uma mistura de anjo e demônio, pois Katherine possuía um rosto delicado, porém, uma alma de demônio.

Tenho a impressão de que iremos nos surpreender nessa festa... — sorriu maldosa. — Não, me enganei, eles que irão se surpreender conosco.

Acompanhou Ella até a porta do apartamento. Não sabia exatamente quem estava dando a festa... Deveria ser Berhant... Berndad... Bertran... Algum sobrenome do gênero. Katherine só se importava com uma coisa: virar a noite, beber e quem saiba conseguir se divertir com algum cara que pareça interessante.

(...)

O som estava alto, várias pessoas dançavam empolgadas. Mirella foi à frente pegando a mão de Katherine e a puxando para a pista de dança. A morena já se empolgava com a música, mexendo a cabeça conforme a música. Parou por um instante ao ver um casal conversando, pareciam apaixonados, presumiu a morena. O garoto segurava nas mãos um ponche batizado, e foi exatamente isso que chamou a atenção de Kath, além, de é claro, se divertir. Sorriu de canto para Ella e foi até o casal, batendo com a ponta dos dedos o ombro do rapaz. O mesmo virou-se um tanto quanto perdido, porém se surpreendeu com o ato da morena: Katherine colocou as mãos em volta do seu pescoço levando a boca aos seus lábios, á principio ele tentava se conter, mas não conseguiu, a forma como a garota chupava seu lábio inferior fez com que sua resistência abaixasse e assim retribuísse o beijo. Kath ao notar o “interesse” dele, mordiscou lentamente seu lábio, levando a mão direita até a boca do rapaz e limpando a mancha vermelha do batom de seus lábios. — Nada mal. — afastou-se dele e foi até a garota que o acompanhava, que estava pasmada. Dava para ver o brilho de uma lágrima suplicando para sair de suas orbes. —  Obrigada por pegar isso para mim, queridinha. — tomou o copo de bebida da mão da moça indo até a pista de dança, ignorando tudo que ocorria.

Em poucos segundos a morena fez questão de esvaziar o copo e jogou em algum lugar que ela não se lembrava naquele momento. Começou a dançar sensualmente, não ligando para a forma com que os rapazes chegavam por perto dela, pois ela gostava disso. A atenção de todas foi em direção do palco. A tal berhant se pronunciava. Kath deveria ter visto ela em algum lugar... Talvez no Eleonor? Mas quem quer pensar em escola quando se está em uma festa?

Ella, não é hora de fazermos alguma coisa mais legal do que só dançar? — perguntou a morena para sua melhor amiga. As duas juntas sempre gerava um conflito atrás do outro. — Não ouviu que ela disse? Sem regras, então que tal aproveitarmos isso? — deu um sorriso malicioso nos lábios, convidando Mirella para algum ato que marcaria aquela festa, e quem saiba a Little bitch da secret postasse algo realmente interessante naquele bloguinho de merda.
By Kamyla Parra @ All Right Reseved
Lunna Hill Kowalczyk
avatar
Sendo Alone q
Quer mesmo saber?
ESPS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Harry Edward em Seg Ago 19, 2013 12:03 am




TAG:Rachel B. Berry              VESTINDO: Clique Aqui!            HUMOR:~~
Let's Go Crazy





Harry Edward
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Rachel Horowitz-Berry em Seg Ago 19, 2013 1:55 pm


Last Friday Night  ♥

With: Harry Edward | Clothes: Vestido de Festa da Rachel | Feeling: Pretty


Sabe quando você se sente caindo mesmo sem ter tirado os pés do chão? Era assim exatamente como me sentia agora, vamos voltar a alguns instantes antes da minha súbita parada dramática. Eu estava dançando com Harry, ele parecia estar concentrado em outra coisa, olhava para o lado algumas vezes e eu tentava ver o que era mais o meu campo de visão estava sendo tapado por um grupo de pessoas dançando. De repente ele se ofereceu para pegar as bebidas e foi como um alerta, minha cabeça dizia siga ele, aquilo tinha certas semelhanças com a cena entre eu e Eckl, ele se afastou e eu tentei falar com ele mais a musica estava muito alta, Harry se virou e se desligou totalmente de mim apenas focado em um ponto fixo, andei um pouco chamando seu nome entre meio a multidão, ia atravessando a parede de pessoas com uma certa dificuldade mais ao ver aquela cena meus pés ficaram presos no solo. Harry havia ido ao encontro de outra garota. No mesmo instante minhas mãos começaram a tremer e senti um arrepio na espinha surreal, aquilo parecia um sinal, e nada bom.
Foi naquele momento em que sentia me caindo no profundo abismo, foi quando vi Harry beijar a garota. Meus olhos se arregalaram para enxergar melhor, mesmo com a minha visão embaçada por conta das lágrimas que iam se formando automaticamente, de novo não, pensei segurando as lágrimas, assim que Harry se afastou da garota eu tomei controle dos meus membros e voltei para onde estávamos. Passei a mão abaixo dos olhos rapidamente e respirei fundo várias vezes, minha cabeça estava baixa e eu tentava disfarçar me balançando lentamente de um lado ao outro. O garoto se aproximou de mim e minha respiração falhou algumas vezes, parecendo soluços, Não consegui olha-lo diretamente nos olhos. Ele falou meu nome e por um momento senti um arrepio percorrer meu corpo, me sentia arrasada, não por ele ter ficado com menina mas por aquilo ter acontecido comigo pela segunda vez, era demais para mim. Ouvi as palavras dele e o olhei, meu olhar sincero demonstrando o que realmente sentia no momento, Raiva de mim mesma. - Por que não chama a garota que acabou de beijar ? - Falei com a voz fraca mais dava para ele ouvir e a confirmação disso foi a cara que ele fez, Bingo, pensei, ele deveria ter se assustado com a minha reação. -É, eu vi. Me desculpe eu não quero ser a garota louca que estraga tudo mas, eu estou muito confusa, não aguento isso pela segunda vez ... Falo desta vez com a voz de choro e com os olhos sendo preenchidos pelas lágrimas de novo, passo a mão no cabelo ponto umas mechas atrás da orelha para tentar me acalmar mais parecia tudo muito inútil para mim. -Desculpe eu, Eu preciso tomar um Ar. Abro os lábios para tentar falar mais algo para ele mais um nó se formou em minha garganta e eu me virei indo para um canto vazio e bem arejado da festa, era a beirada do terraço que dava vista para Manhattan, pra minha sorte estava vazia. No trajeto que caminhava para a beira percebi que alguém estava me seguindo, não quis olhar para trás mais percebi que era Harry pelo seu perfume. Parei em frente a Janela e apoiei meus braços na borda afundando meu rosto sobre as mãos e subindo passando as mãos pelo cabelo, respirava com uma certa dificuldade, tentava apagar aquela cena de minha cabeça mais era impossível, tudo vinha na mente, tanto Harry quando os acontecimentos anteriores. Tentava me controlar, respirando pausadamente para tentar ter controle dos meus atos. Não seja louca, se acalme, tudo vai dar certo, você tem a si própria. Falei mentalmente e dei um ultimo suspiro desta vez girando o calcanhar e ficando de frente com Harry que estava com uma expressão assustada e de culpa ao mesmo tempo. Encarei ele por uns segundos, apenas o encarava as palavras haviam sumido de minha boca, só esperava ele falar algo que tornasse aquilo tudo normal.

#HOME #BROOKLYN #HARRY ♥
I'm the one who want love you more ♥

flarnius
Rachel Horowitz-Berry
avatar
The city that never sleeps.
I don't know, you dare find out?
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Nicolas R. B. Blanco em Seg Ago 19, 2013 3:09 pm




I'm Back Bitches!!
I'm Back Bitches!!



E cá estava eu,de volta depois de dois anos, anos chatos e monótonos sem se quer poder sair de casa sem ter dois seguranças manés me persiguindo onde quer que eu fosse, Diego, vulgo meu pai me deixou vigiado tempo de mais, estava realmente precisando me soltar um pouco mais, o convite para a festa das Bertrand veio bem a calhar, afinal o que seria melhor do que uma festa pra refazer meu bom nome? Alias, mal tinha voltado e já havia sido convidado para uma festa, bom sinal, eu realmente ainda tinha um “nome de peso” em New York, por maiores que fossem os escândalos, ainda era um rapaz da alta sociedade, com dinheiro de mais para ser ignorado. Precisava fazer uma entrada triunfal, e saber que a festa seria num terraço me animou, peguei meu telefone e dei alguns telefonemas, uns velhos e novos contatos.
Todos ficaram felizes em saber que eu estava de volta, e que eu iria a festa, bom conhecia boa parte das pessoas que provavelmente estariam naquela festa, escola servia pra isso também, o horário estava passando e com o tempo voando comecei a me arrumar para a festa, escolhi uma bela calça jeans e uma camiseta branca com os dizeres “I’m Back Bitches!” escrito na frente, tudo simetricamente planejado pra anunciar minha volta a cidade, a maioria daquelas pessoas achava que passei os últimos dois anos surfando no Havaí, e bom, esse era meu desejo, ter passado dois anos lá sim seria legal, mas enfim, sem nostalgia, lá estava eu, arrumado, bem vestido, perfumado e com o cabelo simetricamente alinhado, ia começar a minha nova saga, sai de casa com uma de minhas motos e me dirigi a um velho galpão que me pertencia, parando para pegar Thierry no caminho, Thierry era um velho amigo e funcionário, que tomava conta de tudo na minha ausência. E lá estávamos a bordo da minha nova carona pra festa alguns minutos depois.


- Tem certeza que quer fazer isso senhor González? Você sabe que o seu pai ficará maluco.

- Meu pai é maluco por natureza Thierry... Além disso quer jeito melhor de anunciar minha volta?

- Bem, com certezao senhor vai prender a atenção de todos eles, um ex-futuro Galã de cinemas e modelo chegando dessa forma vai ser pura inovação...

Thierry deixou escapar algumas risadas enquanto continuava se dirigindo a festa, eu sorri pensando na reação que poderia causar, e quase 20 minutos depois lá estávamos, onde queria, bem próximos da festa, o exato local que eu queria, olhei para Thierry e abri a porta do meu helicóptero e sobrevoava a festa. Olhei para Thierry e depois para baixo, estávamos a uns 600 metros do chão. Com certeza a ventania eo barulho do helicóptero causariam um reboliço, o que faria me notarem, sem pestanejar me joguei porta a fora em queda livre. Era muito gratificante saltar em queda livre de um avião, um pouco de loucura também com certeza, mas me sentir voando era de mais, apenas alguns segundos depois puxei a cordinha do paraquedas, e fui lentamente caindo e sobrevoando a festa fazendo zig-zags no ar, tinha um enorme sorriso no rosto, com certeza havia me feito notar. Ao aterrissar soltei o para quedas para que caísse, rapidamente desprendendo-o do meu corpo, observei a multidão, diversos rostos conhecidos, alguns desconhecidos, mas a certeza de uma entrada realmente “diferente” de todas, abri um enorme sorriso debochado e fintei a todos, gritando em seguida.

- O GRANDE NICO ESTÁ DE VOLTA A NEW YORK DEPOIS DA TEMPORADA DE SURF GALERA, não mereço ao menos um abraço de boas vindas?

O que acontece na festa fica na festa!
Thanks Babydoll @ TPO
Nicolas R. B. Blanco
avatar
ESPS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Matthew Von Klaus em Seg Ago 19, 2013 7:01 pm



Crazy Crazy ♪


Minha vida estava começando a dar certo, havia conseguido a bolsa na universidade, estava conseguindo pagar o aluguel do apartamento em dia, era tudo que eu mais queria na minha vida, eu estava começando a fazer amizades na universidade. Eu estava em casa a tarde até que recebo um convite para a festas dos "Bertrand" não tinha entendido muito bem aquilo o seguinte pensamento estava na minha cabeça "Porque eu? Sou alguém tão sem importância" eu ainda não sabia se deveria ir ou não, depois de pensar muito bem na situação achei que deveria ir para tentar me divertir, pois diversão não era uma coisa muito normal no meu cotidiano, então abri meu guarda roupa e experimentei muitas roupas, até que escolhi uma era perfeita uma regata branca com uma estampa no meio e uma calça jeans azul fosco, então escovei meus dentes rapidamente para não chegar muito no final da festa, logo fui pegar um ônibus então depois de mais ou menos 20 minutos cheguei no local que era a festa, quando olhei para a fachada do local parecia ser um lugar que normalmente pessoas ricas frequentavam, adentrei o local e vi que todos estavam dançando, conversando ou fazendo outras coisas. Quando entrei dentro da festa peguei um copo de bebidas que estavam servindo e fui para um canto sentar já que não tinha avistado conhecidos ainda





thanks juuub's @ cp!  
Matthew Von Klaus
avatar
Bipolar
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Dominique Von Moskovicht em Seg Ago 19, 2013 10:21 pm






BARBIE'S

B-DAY

Depois de mais de algumas semanas estava finalmente conseguindo me acostumar com a presença de Lucca no meu dia a dia. Na verdade até gostava de passar meu tempo com ele. Não podia evitar sorri quando ele se aproximava e eu sempre ria até ficar sem ar, quando estava com ele. Quando o rapaz me chamou para acompanhá-lo à festa da Barbara eu não pensei duas vezes antes de aceitar. Aliás, só conseguia pensar em passar mais tempo ao seu lado.

Pouco antes da hora que eu havia marcado com o rapaz, já estava pronta. Optei por uma roupa bem simples. Não queria chamar atenção, e comecei a seguir essa ideia já faz algum tempo. Aliás, quando você é caçada por câmeras e olhares curiosos 24 horas por dia, a última coisa que você vai querer é chamar mais atenção. O vestido não me deixava vulgar, apesar de marcar delicadamente todas as curvas de meu corpo. Os saltos eram os meus prediletos e a maquiagem era leve, combinava com todo o resto do look.

Eu havia sugerido à Lucca que fossemos com meu motorista, mas ele insistiu em ir me buscar. Então, com um pouco mais de persistência, eu acabei aceitando. Quando ele chegou, meu porteiro ligou para meu apartamento e eu desci. Lá estava ele, simples e elegante. Sorri e o cumprimentei. Não houve muita conversa no caminho até a festa, mas desde que sai pela portaria do prédio, pude notar alguns flashes. Aquilo era uma loucura, não queria que Lucca se sentisse incomodado, então tentei ignorar.

Quando finalmente chegamos ao prédio da festa eu tive uma rápida lembrança da festa a fantasia. Imaginava se ele ainda se lembrava da festa e se estaria com raiva de mim por ter sido correndo. Quando se está começando uma carreira é preciso sacrificar muitas coisas. Inclusive ter de sair no meio da noite para consertar uma cena, de última hora. Novamente, andando na calçada eu me virei e pude notar alguns paparazzi. Soltei um sorrisinho nervoso e acenei. Rapidamente pensei o que estaria na matéria de revista junto com essa foto. Tinha até esquecido que Lucca estava do meu lado, por isso levei um susto quando ele me guiou para dentro do prédio.

Lembrava-me muito bem do prédio, mas o apartamento das irmãs Bertrand era tão incrível quanto dos Dohrn Morteri. No terraço, um número razoável de pessoas dançava, bebia e se divertia. Barbara, a aniversariante, acabava de fazer um discurso, quando um rapaz desceu de para quedas no meio da festa. Nova Iorque, sem dúvida alguma, é milhões de vezes mais emocionante, do que eu jamais poderia imaginar. Sorria para algumas pessoas que olhavam na minha direção e na de Lucca. Paramos depois de alguns passos e me virei para ele, olhando-o como se estivesse querendo saber o que viria em seguida.

tagged: LUCCA ✖ listening: BURN by ELLIE GOULDING ✖ wearing: THIS ✖ tks, clumsy!

Dominique Von Moskovicht
avatar
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Sebastien Skei Fjellkirke em Ter Ago 20, 2013 12:39 am


Sono sempre
é mulherengo? Milionário? e bebe demais?, é um dos meus!


Lá estava eu jogado em casa de novo, simplesmente caído na minha cama,  dessa vez lembrei de mandar um SMS pro Rodrick, saudades de um melhor amigo em Nova Iorque talvez, perguntava sobre seu sumiço nas ultimas semanas, sendo que na verdade acho que eu havia sumido, Dominique estava começando a tomar bastante do meu tempo. Nas ultimas semanas estávamos nos aproximando cada vez mais, e eu não podia dizer que não estava curtindo tudo aquilo. Depois de um tempo levantei da cama e fui me arrumar, como de costume, bem vestido, porem dessa vez simples, não estava afim de chamar a atenção, quando estava com Dominique, por mais estranho que parecesse eu curtia a idéia de ficar quietinho numa boa, apesar que os paparazzi continuavam sua busca implacável por fotos, mas nunca me importei com isso, na verdade já estava acostumado.  
Rapidamente me arrumei e sai de casa, peguei um de meus carros e parti rumo a casa de Dominique, ia devagar, curtindo uma musica e outra nas estações de radio, e ria comigo mesmo, não demorou muito para que chegasse a casa dela, falei com o porteiro e ele me deixou entrar, e pouco depois lá estava ela, mais linda do que nunca, não sei dizer por que, mas parecia que Dominique estava mais bonita cada vez que a olhava, estava começando a ficar até bobo.
Bom, sem mais o que fazer entramos no carro rumo a festa, no carro conversamos pouco, as vezes falava uma ou outra besteira tentando fazer Dominique rir, como não podia deixar de ser na porta da festa, mais e mais paparazzis, e milhares de flashes e conversinhas ao nos avistarem por ali, apenas abracei Dominique e posei para algumas fotos com um sorrisinho amarelo e sem graça, e depois fui tentando entrar na festa sem que aquela gente chata nos incomodasse. Ao entrar na festa só ouvi o finalzinho do discurso de Barbara, mas o que mais me surpreendia era o garoto caindo de pára-quedas festa a dentro, realmente aquele era um cara maluco, ri um pouco mostrando aquilo a Domi, algumas pessoas acenavam para nós, mas eu meio que ignorava isso. Até que Domi parou na minha frente e simplesmente me encarou com aquele sorriso encantador no rosto.
 
- Bem, que tal uma bebida agora Domi? Acho que merecemos... Mas francamente, acho que poderíamos dançar, apesar de meu talento com a dança ser bastante limitado.

 No fim das contas apenas segurei na mão de Dominique e sai festa a dentro procurando o que beber, andar de mãos dadas com ela, por algum motivo me deixava bastante animado e feliz.




Com: Dominique. humor: Feliz; Vestindo {Clica}
Narração
{} Falas {} Pensamentos


 

Thanks Maay From TPO.



Sebastien Skei Fjellkirke
avatar
Nárnia ou Terra do Nunca.
Provavelmente, rindo da sua cara.
Adulto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Harry Edward em Ter Ago 20, 2013 12:44 am




TAG:Rachel B. Berry              VESTINDO: Clique Aqui!            HUMOR:Guilty
Let's Go Crazy



- Por que não chama a garota que acabou de beijar? Engolia um seco ao ouvir as palavras inesperadas vindo de Rachel, em pouco tempo os olhos dela se enchiam de lágrimas, conseguia notar na expressão dela que ela estava abatida e tudo mais, ela se afastava dizendo que precisava de tomar um ar. -Ra..Rachel, espera. A minha respiração estava bem intensa de uma forma bem fácil de se notar, o meu coração batia a mil. Ela andava, afastando-se e acabava por parar na frente de uma grande janela. -Hey.. Eu dizia tentando manter um tom calmo para lhe tranquilizar enquanto segurava a mão dela que estava apoiada na borda da janela, e virava-lhe para mim, tocando-lhe no queixo para puxar o rosto dela um pouco para cima de forma que ela olhasse para mim. Eu sentia a mão dela a tremer por isso não largava e segurava a mão dela firme apertando um pouco de uma forma leve e não exageradamente para tentar lhe acalmar um pouco. -Não é como da tua ultima vez. Realmente não sabia o que se tinha passada na ultima festa dela, mas também não queria nem iria perguntar sobre isso, já sabia que isso mexia com ela, não tinha sido nada a minha intenção que ela visse aquilo e apesar de tudo não queria que ela me visse como todos os outros rapazes.

Em menos de nada eu começava a sentir um grande vento e a ouvir um alto e desconfortável barulho, ao olhar para cima via um helicóptero, de lá saia um rapaz e juntava-se à festa. Um helicóptero, sério? Ele com aquela entrada devia mesmo estar a precisar de atenção, mas acho que havia limites.. Enfim.

O meu cabelo ficava meio bagunçado com todo aquele vento, mas eu ignorava aquela cena toda totalmente e apenas me aproximava um pouco mais de Rachel deixando os meus braços em volta dela, dando-lhe um abraço longo que substituiria qualquer palavra. -Desculpa. Eu não quero ser igual áquele rapaz que te magôo, não sou como ele, tá? A história não se está a repetir. Eu estou aqui.. Para ti. Dizia após desfazer o abraço e colocava ambas minhas mãos no rosto dela ao deixar um pequeno sorriso tranquilizante no meu rosto. -Eu não te acho uma garota louca, aliás.. Eu adoro o fato de te ter conhecido, até poderia agradecer por isso. Eu admitia e sorria olhando os olhos bonitos dela que estavam em água. "Me desculpe eu não quero ser a garota louca que estraga tudo" lembrava-me de ela dizer isso por isso queria me certificar que ela sabia que eu não achava isso dela. -Hey Princesa, levanta a cabeça se não a côroa cai. Eu limpava as lágrimas dela e esperava ver o sorriso lindo dela de novo, que me fascinava. A ultima coisa que eu queria agora era vê-la chorar, muito menos por causa de mim. Parecia que a cena se estava a repetir para ela, não queria isso, talvez não fosse tarde demais para mudar isso. Só um sorriso dela já me faria feliz.

Harry Edward
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Rachel Horowitz-Berry em Ter Ago 20, 2013 11:29 am


Last Friday Night  ♥

With: Harry Edward | Clothes: Vestido de Festa da Rachel | Feeling: Confused


Minha mente pairava em outro lugar, minha visão contemplava o belo rapaz mas eu pensava em outra coisa. Será que os garotos daqui são assim ? Volúveis. Aquele pensamento me atormentava, queria saber o por que de eu ter sido trocada duas vezes em uma festa.
A unica coisa que me trouxe para o lugar onde me encontrava foi o abraço reconfortante do garoto, meus braços contra meu peito, podia sentir meu coração bater como se fosse atravessar minha pele, eu estava sendo estupida, a louca que sempre fui antes de ir para New York, aqueles pensamentos infantis só me faziam ser a mesma de sempre, Lunática.

Um som foi crescendo e preenchendo todo o lado de fora do Terraço, senti meu cabelo ser varrido para a frente, rapidamente olhei para trás e vi um helicóptero pairam pelo local e um garoto descer, aquilo sim era uma entrada triunfal mas não dei importância. Voltei a olhar para Harry, as palavras dele penetravam em mim com um efeito incrível. Senti meu coração acelerar com o toque dele no meu rosto. "Eu estou aqui.. Para ti.", aquilo me causou um frio no estômago e um rubor na maça do rosto, um sorriso automático se formou em meus lábios, não o que eu costumava ter, mais um simples e meigo, era o  melhor que eu conseguia. - Desculpe ...   A única coisa que consegui dizer naquele momento, as palavras saíram contra a minha vontade, não queria parecer fraca, não deveria ter pedido desculpas, ou deveria ? Subi com minha mão e toquei o braço dele, fui passando a mão lentamente até encostar a minha mão na dele, um onda de calor subiu pelo eu corpo, não sabia se aquilo era o mais certo a fazer mas eu queria aquilo, naquele momento precisava disso para ter certeza de que tudo seria diferente. Umedeci os lábios lentamente, os olhos dele presos nos meus, minha respiração foi ficando lenta. Um passo mais perto, estávamos perto demais, os narizes se tocaram e eu fechei os olhos me entregando ao momento. Meus lábios roçaram lentamente no dele e logo se afastaram, senti a mão dele desfalecer até minha cintura, levei as minhas ao ombro dele para meu próprio equilíbrio. Novamente os lábios se tocaram e eu o beijei, um beijo calmo, sentindo cada movimento. Os braços dele me apertaram um pouco desenhando um contorno da minha coluna com as mãos. Minhas mãos repousaram no peito dele e eu me desliguei totalmente de tudo ao redor, apenas o beijo fazia sentido ali, o resto havia se tornado parte de um universo paralelo e eu me sentia pairando pelo ar se não fosse pelas mãos dele sobre minha cintura diria que estava sonhado ou imaginando aquilo, mas era tudo real, e fiquei ciente disto já era tarde demais.     

#HOME #BROOKLYN #HARRY ♥
I'm the one who want love you more ♥

flarnius
Rachel Horowitz-Berry
avatar
The city that never sleeps.
I don't know, you dare find out?
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Terraço

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum