Varanda

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Varanda

Mensagem por Secret em Dom 9 Mar - 14:09:28

varanda
A varanda dos Thénardier é muitíssimo confortável. Abriga vários sofás, que são repletos de almofadas. Uma churrasqueira fora instalada em uma das extremidades e algumas mesas de madeira foram distribuídas pelo local. Um parapeito de vidro circula toda a varanda, e a vista é deveras incrível. Algumas plantas também foram postas por ali assim como uma mesa artesanal de centro. O local apresenta cores puxadas para o marrom ou cinza e é possível ver boa parte da cidade de Nova York daí.


Thanks to +Lia atOps
Secret
avatar
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Varanda

Mensagem por Kathryn C. Thénardier em Sab 2 Maio - 19:58:51

I am Kathryn

Thenárdier. Este sobrenome mesmo depois de anos soa como um sonho, um sonho que ainda não estou preparada para deixar. Os primeiros dias naquele enorme apartamento foram difíceis, ainda mais ter que lhe dar com mais três novos irmãos. Eu era sozinha, eu e meu pai. Eramos só nós, um cuidando do outro, um amando do outro, e então, aquilo que nós dois amávamos nos destruiu. Um acidente. Um corpo sem vida. Uma filha sem pai.

“Não se esqueça de onde você veio, nunca se esqueça de quem você realmente é.” As últimas palavras de meu pai antes de tudo acontecer. Lembro-me de ele ficar furioso por eu ter descumprido o toque de recolher por conta de uma festa que me convidaram. Eu tinha apenas doze anos e estava extasiada por ser convidada a primeira festa, - e não era qualquer uma, era a festa de uma das garotas populares da escola. O quão estúpida fui acreditando que meninas ricas chamariam alguém como eu para seu território por amizade. Elas caçoaram de mim, usaram-me como seu brinquedo. Fui embora no momento que percebi que eu era o motivo de piadas e risadas, e, quando voltei para casa tarde da noite, mesmo depois do castigo, da bronca e das palavras de meu pai, o abraço apertado dele era a única coisa que desejava e obtive.

“Nunca se esqueça de quem você é.” Era um mantra, todas as manhãs naquela mesma varanda, observava os carros de diferentes cores indo e vindo, fazendo-me lembrar das mãos sujas de graxa dele e de como eu adorava fuçar o motor de um fusca qualquer fingindo ser como meu pai era.

Não vou esquecer. — Respondi, sabendo que em qualquer lugar John me acompanharia. Não poderia e nunca o faria. Eu sou Kathryn filha de um mecânico e isso era meu orgulho mesmo tendo um sobrenome que poderia abrir ou fechar postar. Sou Kathryn a garota que começara uma nova fase, deixando para trás a dor para começar uma nova fase, fase esta que se inicia agora.
Kathryn C. Thénardier
avatar
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum