Salão Indoor

Página 7 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Salão Indoor

Mensagem por Secret em Sex 27 Jun - 19:55:29

Relembrando a primeira mensagem :

Mascarade Party


Bem vindo(a) Convidado, à Marcarade Party! Uma festa ao estilo da realeza européia, cheia de luxo com um ar que remete aos castelos e as cortes de alguns séculos atrás. Toda elegância para celebrar o vigésimo primeiro aniversário da senhorita Wendy Freibövich, a música clássica inicia a festa tocando baixa, ao fundo, dando o ambiente um misto de elegância e mistério. No convite da festa vem especificando, deve-se usar máscara ". O traje acompanha o estilo proposto para festa, vestido luxuosos, a classe de princesas e reis, o mistério por trás das máscaras, adentre o salão e seja levado ao passado por uma noite de contos de fadas.

Data da festa:27/06 (Em off)



Secret
avatar
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Salão Indoor

Mensagem por Marco M. S. Freibövich em Qui 3 Jul - 17:33:11



Gratulerer, Sis!
Sentado junto a Sofie e Mabelle, estava a conversar distraidamente trivialidades, nem me passava pela cabeça o quão drasticamente a minha sensação de tranquilidade passaria. Sofie comentava acerca do seu trabalho como bibliotecária e Mabelle assistia com uma expressão de contentamento que aos poucos fora seu alterando para preocupação, fez-me um gesto para que me virasse, deparei-me com uma Wendy pálida e andando com certa dificuldade – Aí está você – tossiu duas vezes - Marco, está na hora da... – disse ofegante, dando 3 passos e ameaçando uma queda por sobre a mesa, levantei-me rapidamente a detive, segurando-a pelos ombros. – Que aconteceu, Wendy, alguém lhe deu algo para beber? – Ela murmurou algo que não compreendi. Investiguei a garota em busca de algum sinal que pudesse denunciar a razão de seu desconforto. Estava pálida, inquieta e suava frio, e haviam pequenas gotículas de sangue na parte superior do vestido. Subitamente a expressão de Wendy aprofundou-se em desespero, denunciou-me pouco antes não estar conseguindo respirar. Impulsivamente coloquei-a sobre o chão, verificando sua respiração ínfima. Sabia que poucos minutos em apneia podiam levar a morte ou danos cerebrais, por isso precisava agir rápido. – Por favor, alguém ligue para os paramédicos! – O vestido era tão apertado, o que só dificultava a sua respiração, assim, abri duas fendas nas laterais, apenas o suficiente para que a caixa sua caixa torácica se acomodasse melhor, com mais liberdade. Faria uma massagem respiratória, mas se não fosse suficiente precisava estar preparado para medidas mais extremas, ao que me parecia, pelo som estranho de sua respiração, talvez fosse preciso. Virei-me para Mabelle e Sofie que me olhavam horrorizadas e disse-lhes pausada e calmamente: - Preciso de uma faca afiada; toalhas; algo como um canudo, pode ser a parte externa de uma caneta; e álcool, pode ser uma bebida, vodka! Só preciso que sejam rápidas. – fiz várias tentativas de reanimar a respiração de minha irmã, jogando sucessivas doses ar pela sua boca, mas o peito pouco elevava-se. Não estava funcionando. Quando Mabelle e Sofie chegaram com os objetos que havia pedido já sabia que precisaria ser feito. Abri uma das toalhas no chão e coloquei a faca e um canudo sobre ela. Despejei um pouco do conteúdo da garrafa de vodka sobre os utensílios, tirando o excesso com uma segunda toalha. Com faca realizei um pequeno corte no pequeno vale do seu pescoço, não mais de 2 centímetros. Outro corte foi feito em sucessão, desta vez em sua traquéia. Forcei a entrada com um dos dedos e em seguida introduzi o canudo, deixando parte dele para fora. Despejei duas grandes jorradas de ar pelo canudo e poucos segundos depois outra. Logo pude observar fortuitamente o seu peito realizando o movimento natural respiração, subindo e descendo. Pouco tempo depois, surgiram os paramédicos, abrindo espaço por entre as pessoas da festa, levando Wendy.
#Wendy, #Mabelle, #Sofie,
code designed by doll from the pretty odd
Marco M. S. Freibövich
avatar
NY
Instável
Adulto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Mabelle Burnier Blanche em Qui 3 Jul - 18:23:34



One day, one night, a reason, a dream
And only once to be happy..

A festa realmente estava encantadora, as musicas soavam de maneira elegante, típico de uma boa dança ao meio do salão. Apoiei o queixo sobre as mãos, vendo Marco pegar uma cadeira próxima e se sentar perto a mim e Sofie, que já começava a falar, os assuntos aos poucos iam surgindo entres nós três e isso era algo agradável de presenciar, beberiquei poucas vezes a minha taça que logo chegava ao fim, enquanto isso observava Marco e Sofie, realmente admirava o emprego de minha amiga e também o de Marco, aquilo era um fator muito bom. – Ser bibliotecária é algo ótimo, Sofie. – Sorri, dando uma breve olhada ao redor, talvez eu tivesse a sorte de encontrar Beatrice, mais ao longe pude perceber que a aniversariante se aproximava subitamente, ela não estava em sua coloração normal, franzi o rosto em um estranhar e apontei para a jovem, assim Marco notaria que a mesma estava lá. A universitária falava algo mais eu não ouvia muito bem, olhei para Sofie que estava boquiaberta, olhando novamente para Wendy que denunciava que iria desmaiar, empurrei a cadeira para trás e me levantei, apoiando as mãos na mesa, sem saber o que fazer ou dizer. – Mantenha a calma Sofie, acho que não é nada de mais. Na verdade eu espero por isso. – Suspirei em um tom de preocupação, passando a mão pelo rosto e dando alguns passos a frente, vendo Marco analisar Wendy. O novo pedido de Marco após colocar Wendy no chão assustou-me, olhei Sofie que pegava o celular e discava o telefone de algum hospital próximo, estava paralisada, notei que a ligação de Sofie se concluía com êxito, Marco fazia uma série de ações em Wendy que não estava nada bem, notei Marco se virar calmamente e pedir que trouxéssemos alguns utensílios e se era para ver Wendy bem, eu faria até mais que aquilo, a final acabei cativando á jovem. Empurrei alguns jovens e corri para um pequeno lugar com bebidas expostas, pegando uma garrafa de vodka e um canudo que por algum motivo aleatório estava lá, olhei para trás e vi Sofie com o resto do pedido, em passos rápidos me reaproximei de Marco e Wendy, me abaixando perto do mesmo e ficando de joelhos, lhe estendo tudo o que eu havia adquirido. Estava muito receosa com a respiração de Wendy que ia falhando cada vez mais, notei Sofie se aproximar e dar o resto das coisas pedidas por Marco. Me levantei e o vi tratar de Wendy, o fato era que Sofie não era o tipo de mulher que agüentava ver sangue, por pouco que seja já notei a mesma se segurar para não desmaiar. – Sofie. Vem comigo. – Andei até a mesma, passando minha mão pelo seu ombro e a ajudando a andar até um local menos movimentado, sentando-a em uma mesa e pegando um pouco de água para a mesma.


thanks juuub's @ cp!  
Mabelle Burnier Blanche
avatar
Rússia
~ Séria, Observadora.
Adulto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Sofie Alecssander Campbel em Qui 3 Jul - 21:25:45





ME
night
MANHATTAN
Sofie sorriu simpaticamente ao ver que Marco pegou uma cadeira e se acomodou perto das mulheres, talvez assim os mesmos comentassem mais sobre cada pequeno detalhe de si, criando assuntos diversificados, bebeu apenas mais um pouco daquela bebida, sentindo novamente o amargar descer por sua garganta, piscou varias vezes em um sorriso constrangido. – Eu prefiro um suco de frutas. – Admitiu, pousando a taça sobre a mesa e olhando para Marco, uma duvida surgiu em sua mente, então perguntou sobre a profissão do homem que logo lhe foi respondida, Sofie confirmou com a cabeça, relatando que ela era apenas uma bibliotecária e atuava também na área de design, ajudando a pagar algumas faculdade para jovens que faziam curso naquela área, sorriu e olhou para baixo timidamente, fitando seus pés e depois olhando para o lado onde pode ver Wendy se aproximar, ela estava mais pálida do que o normal, Sofie sentiu-se preocupada, apoiou as mãos na mesa, abrindo a boca em um pequeno ‘’ o ‘’ Pensou que aquilo só deveria ser alguma comida estragada que Wendy tomou, afinal, a adulta não era medica para reconhecer se aquilo era sintoma de algo mais grave. Se levantou ao ver que Wendy por pouco não desmaiou ao chão, olhou para Mabelle com uma expressão de assustada, ouvindo sua amiga pedir calma. Inspirou e expirou lentamente, erguendo o corpo e ficando de frente a Wendy e Marco, sem contar às pessoas que paravam logo ao redor da aniversariante. Cruzou os dedos na esperança de que tudo não passasse de um imprevisto, porém a fala de Marco quebrou essa heptose. Pegou sua bolsa e retirou seu celular, discando o número da emergência que estava em sua agenda, sendo atendida e pedindo unidades para o local onde a festa ocorria, ao terminar manteve o celular na mão e observou Marco auxiliar a irmã. Deixou o peso sobre uma perna, fitando Wendy com o coração quase que na mão, queria vê-la bem, logo no seu aniversario aquilo fora acontecer.   – Tudo bem. – Respondeu a Marco. Suspirou cheia de nervosismo, sua mão tremia enquanto ela corria em direção a algum lugar que tivesse o que o homem solicitou, correu até a cozinha da festa, de onde saiam vários pratos, ignorou os olhares dos funcionários que ali estavam. Pegou uma faca que estava na pia, lavou com água e depois correu até instante, puxando uma gaveta e pegando algumas toalhas.

Correu novamente para perto de Marco, Mabelle já estava lá, Sofie se abaixou do outro lado do rapaz deixando a toalha sobre o chão e a faca logo acima, voltando a se levantar. Observou toda pequena ação de Marco atentamente, observando os respingos de sangue no vestido belíssimo de Wendy, sentia uma tontura vinda ao mesmo tempo em que suas pernas cambaleavam, deu alguns passos para trás e sentou encima da mesa, passando a mão pela testa, olhou em direção a Mabelle assim que a ouviu citar seu nome, sorriu ao ver a mesma se aproximar, andando ao seu lado até a mesma colocá-la em uma cadeira um pouco mais distante de Wendy e Marco. – Eu estou bem.  – Se levantou novamente, forjando um sorriso, agora se sentia um pouco melhor. – Já volto. – Afastou-se de Mabelle, seguindo para um lugar menos movimentado.



Parabéns Wendy.
thanks rapture
Sofie Alecssander Campbel
avatar
Rússia
Calma
Adulto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Melissa J. Devereaux em Sex 4 Jul - 10:31:43


Masquerade Ball
Masquerade, paper faces on parade...
A festa da garota, a Wendy, estava muito boa. Mais pessoas chegavam a cada segundo e percebi que a maioria dos convidados eram ou universitários ou os populares da AMI.
E porque não estou batendo um papo com o pessoal?Ah é, porque sou a estranha que não sabe fazer amizades!
Quer dizer, eu sei que eu sou bonita e que tenho tudo para ser tão popular quanto as irmãs Bertrand, mas parece que minha timidez estraga tudo! Fiquei observando as pessoas conversarem entre si, desejando estar junto com o pessoal, mas preferi estar amuada em meu canto, bebendo meu coquetel sem álcool.   Ótimo, hora da valsa e eu nem par tenho. Não acredito que vou mesmo ficar de fora do momento que eu esperei desde que eu era pequena!-Isso aí, hora da valsa chegando e nem par eu tenho, ótimo.-Eu disse a mim mesma, de braços cruzados, chateada por não ter par para a valsa.

Tagged: Everybody Wearing: [http://www.quinceanera100.com/products/small/vintagequinceaneradresses/vintage-quinceanera-dresses-qdzy306-5-1.jpg]This[/url] and This Credits: The Killjoy Never Die! @ CG&TPO
Melissa J. Devereaux
avatar
NY
ESPS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Dimitri B.F. Górki em Sex 4 Jul - 14:22:45


Lindqvist

O silêncio de Natasha estava começando a criar um clima estranho entre nós dois, aquela máscara realmente a incomodava na hora falar. Dei um gole na minha bebida e continuei olhando em volta, vendo o comportamento das pessoas. O cabelo levemente caído sobre os olhos para que ninguém pudesse ver para onde eu olhava.
Uma imagem vermelha apareceu no meu campo de visão e desviei os olhos para observar melhor o que era: uma garota num vestido longo e máscara que aparentava ter orelhas ou algo do tipo. Uma outra garota a acompanhava até o balcão, pegaram duas bebidas e saíram. Desviei o olhar novamente até perceber de canto de olho que ela havia parado de andar ao esbarrar em alguém. Era possível sentir a raiva dela de longe.
Assim que ela voltou a caminhar, vi que algo havia caído no chão onde ela estava, parecia ser uma faca dentro de uma bainha. Um dos seguranças vira que tinha algo caído no chão, então resolvi me aproximar antes dele. Retirei meu celular do bolso e me abaixei onde estava a faca, rapidamente a peguei e a guardei dentro do meu paletó. Notei que tinha um símbolo familiar desenhado no cabo dela, o mesmo símbolo que eu utilizava em minhas armas. Era do exército russo, reconheceria em qualquer lugar. Levantei-me e lancei um falso sorriso para o segurança que perguntara o que aconteceu.

- Ah, não foi nada. Só derrubei meu celular. - Disse tentando esconder meu sotaque.

Voltei para Natasha assim que ele virou as costas, aproximei-me do seu ouvido e lhe pedi para me acompanhar. Dei-lhe o braço e fui na direção da garota que derrubara a faca. Avistei-a e fiquei ao seu lado.

- Alguém que recebeu treinamento do exército deveria ter mais cautela - disse em russo.

Coloquei meu braço por dentro do meu paletó e mostrei o cabo da faca de maneira que apenas ela pudesse ver.

take the knife


Terno e Máscara
Dimitri B.F. Górki
avatar
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Natasha H. F. Górki em Dom 6 Jul - 21:23:51

masquerade

A vontade que a garota tinha de mostrar a língua ao irmão era grande, mas infelizmente sua máscara cobria a boca, assim como Dimitri falava. Logo o silêncio se instaurou sobre os dois, levando a russa a observar as pessoas. Os detalhes que os olhos de Natasha captavam eram puramente artísticos, coisas que poderiam ser acrescentadas a desenhos ou até mesmo estórias. Por tal razão, não percebeu a faca ou o motivo de seu irmão ter ido até um ponto aparentemente aleatório do salão e fingido recolher algo – sim, fingido, afinal a garota sabia que Dimitri não seria tão descuidado a ponto de derrubar algo. Como não recebera nenhum sinal de que deveria segui-lo, apenas ajustou sua postura, ficando mais atenta. Mas logo recebeu o devido chamado para andar junto ao familiar, seguindo até uma garota que certamente não reconhecia.

Tudo fez sentido ao ouvir seu irmão. Seus olhos levemente arregalados seguiram por todo o salão, agitados, assim que a situação se postou como um desenho a seu cérebro. Entendia o motivo de Dimitri ter ido falar com a garota, mas ainda lhe parecia muito arriscado. Os braços enlaçados agora serviam de aviso ao irmão, que poderia sentir a leve pressão exercida pela garota que ansiava em ir para longe daquele lugar o quanto antes. Mas apenas ficou observando a situação.

Deixou que os dois resolvessem a situação enquanto observava a garota. Ou melhor, as garotas. Eram duas, mas não tinha certeza se uma delas entendia o que as palavras russas significavam ou sequer prestava atenção. Mas parecia ser menos perigosa que a outra, que parecia exalar a mesma aura do irmão. Aquilo com certeza não a agradava.

- Hey, podemos ir? Essas garotas, essa situação... eu não tenho um bom pressentimento quanto a isso. – O sussurro no ouvido do garoto transmitia toda a agitação que sentia, talvez com um toque a mais. Queria voltar para o apartamento – sua nova casa, tinha que lembrar disso – e não sentia arrependimento algum por usar um pouco de suas habilidades dramáticas se isso convencesse o irmão.


Máscara & vestido.
let's go home, please
Natasha H. F. Górki
avatar
Universitários

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Emily Von Helling em Qua 9 Jul - 14:53:52


Wendy's Birthday!
Se tinha algo que poderia ser dispensável em New York era um baile de máscaras. Afinal, quase todos os membros da renomada elite usavam uma. O mais complicado era saber quem era de verdade e quem era de mentira, você poderia vacilar em suas escolhas. Mas por uma noite eu havia prometido que esqueceria toda a falsidade contida nos sorrisos alheios e iria apenas 'curtir'. Era o aniversário de Wendy e para comemorar seus vinte e um anos a temática escolhida fora o baile de máscaras. Ficara feliz em receber o convite para a tão comentada festa, ainda mais pelo fato de estar acompanhada por ninguém menos que Edward Vane. Desde que o rapaz havia regressado da Inglaterra havíamos nos aproximado muito e tinha certeza que não haveria melhor companhia que ele para o evento. Edward era como um verdadeiro príncipe e estava feliz de poder ser sua princesa, nem que fosse por uma noite.

O vestido escolhido era perfeito, o modo como ele parecia a cada passo me encantava. Após um último retoque no batom, peguei delicadamente a máscara em cima da cama, jamais poderia esquecê-la.O reflexo no espelho mostrava uma Emily diferente, uma garota que estava crescendo, e tornando outra pessoa. Um suspiro pesado e olhei em volta, percebendo o silêncio no qual o apartamento estava enterrado. Não tinha noticias de Eden, Rachel e propriamente de Wendy quando deixei o apartamento. Talvez fosse ansiedade pelo evento que estava para ocorrer ou apenas distração mesmo, mas sabia que não havia motivos para preocupações. Havia? Como era de se esperar, Edward estava perfeito. Um príncipe por completo. Só havia um pequeno detalhe que o diferenciava dos demais. No lugar de seu cavalo branco encontrava-se um Porsche branco. Óh céus, havia um príncipe em minha vida.

Chegar ao aniversário de Wendy na companhia de Edward fora diferente de qualquer outra experiência E já tinha vivenciado muitas naquele lugar, o Paláis. Desde experiências encantadoras até a mais cruel e repulsiva a qual se poderia presenciar. Mas desta vez era diferente, era como estar em um conto de fadas. Coloquei a máscara frente ao rosto, encobrindo os olhos, entrando no clima de fantasia e mistério da festa. Edward estava ao meu lado e só isto bastava para saber que a noite seria perfeita. Acompanhava seus passos de modo gracioso, tomando todo o devido cuidado com o vestido.Após alguns instantes o sussurro de sua voz sedutora me fizera arrepiar. Não havia escutado seu desejo, talvez pelo som alto ou por me perder na proximidade em que ele estava, mas apenas sorri e esperei por suas próxima ação.

Duas embalagens de tamanho semelhante, mas de cores diferenciadas foram retiradas do interior de seu bolso. Observava o que ele fazia, mas ao mesmo tempo procurava pelo salão por Eden e Rachel. Sabia que certamente Rachel estaria ao encalço de Wendy, só desejava que Eden estivesse na companhia das duas. Minha irmã um pouco distanciada de mim e sabia que tinha culpa nisso. Voltei minha atenção à Edward sendo pega de surpresa quando suas mãos se juntaram as minhas. Um sorriso brotou em meus lábios e meus olhos brilharam em expectativa. Eu havia perdido algo? Pois a aniversariante era Wendy. Era de se esperar quem ela receberia presente algum, não eu. Mas não faria esta desfeita, ainda mais a Edward. O anel deslizara delicadamente por meu dedo, encaixando-se perfeitamente. Sorri novamente para o rapaz e lhe depositei um rápido e carinho beijo no rosto, em forma de agradecimento. Sussurrando a ele o quanto era lindo o anel e o quanto estava grata pelo mimo.

Ainda admirada pelo presente e encantada com meu acompanhante, o segui até onde Wendy encontrava-se. Olhar para Wendy era como estar diante de uma princesa de verdade. Parecia ter saído de um livro de conto de fadas. Edward nos apresentou a ele e não pude evitar de rir baixinho. É claro que a conhecia, ela era o motivo para eu estar trajando um vestido tão pomposo e exagerado. Prontamente Edward entregou o seu presente à aniversariante. Meu presente a Wendy já havia sido encomendado. Ou melhor, estava a caminho, um Lykan Hypersport. Somente sete unidades deste modelo haviam sido fabricados e Wendy poderia ostentar com o seu pelas ruas de New York se quisesse. Lhe entregaria posteriormente, mas a chave já estava em sua posse, havia entregue para ela em meu apartamento anteriormente. Pisquei para a garota e sorrindo decidi que não poderíamos monopolizá-la. — Nos vemos mais tarde, princesa. — E após o breve encontro, rapidamente nos afastamos.

Momentos depois e estava novamente sozinha com Edward. Uma taça com bebida estava em minha mão e bebericava devagar de seu conteúdo. Meu príncipe era mais do que encantador e estar a seu lado me fazia querer esquecer do mundo ao meu redor. Entre um sorriso e outro para o garoto, desviei meu olhar à procura de Eden. Meu sorriso se desfez quase instantaneamente. Coloquei a taça de volta sobre a mesa e sentei-me, tentando assimilar tudo o que se passava. Só poderia ser brincadeira, não? Um misto de descrença e incredualidade acontecia em minha mente. Depois de todo o esforço que eu havia feito para livrá-la do mal e de tudo de ruim que poderia haver na Terra, ali estava ela. Junto à ele. Edgar. Senti meu estômago embrulhar e olhei suplicante para Edward. — Não estou me sentindo bem, desculpa. — Levantei-me meio tonta. — Eu preciso de ar, licença. — Puxei a barra do vestido para não tropeçar e a passos ligeiros tentei sair do local. Aquilo era demais para mim. Deixei Edward para trás e apenas pedia desculpas as pessoas as quais esbarrava pelo caminho. Não tinha como ficar no mesmo ambiente em que via minha irmã na companhia dele. Meu coração se apertava de ódio. Eu sabia o fim que teria, mas Eden já devia ser mulher o suficiente para arcar com as consequências de suas escolhas. E eu esperava do fundo do meu coração que Edgar quebrasse o coração dela em milhares de pedaços. Mas desta vez seria diferente porque eu não estaria alí para ela. Eu não ajudaria a juntas os cacos do seu coração. E pela primeira vez em tempos, andas pelas ruas de New York não pareceu tão libertador.

wearing
✖✖
Emily Von Helling
avatar
NYC
hello darkness
ESPS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Secret em Ter 15 Jul - 7:59:20

FESTA ENCERRADA


Posts feitos após este aviso serão excluídos sem aviso prévio.

Secret
avatar
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Salão Indoor

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum