Trama

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Trama

Mensagem por Secret em Sab Jan 18, 2014 9:32 pm





trama

Ato I

É o começo do fim. A reitora, descendente de uma Thompson, sabia que isso iria acontecer a qualquer momento. Seus colegas empresários haviam antecipado o fato, mas ela não tinha dado ouvidos. O escândalo se tornou algo presente no dia-a-dia de qualquer pessoa com boa ou má reputação em Nova Iorque e ela pensou, erroneamente, que isso não a atingiria. Foi como uma bomba, quase literalmente. Primeiro a segurança precária de uma instituição tão conhecida. Como um grupo de alunos entre quinze e dezenove anos tinham conseguido burlar a segurança e fazer festas a cada fim de semana dentro de um colégio como aquele? Alguma coisa estava errada e isso veio à tona. Há também o relacionamento professores-alunos que não conseguiu passar despercebido pela imprensa. O estopim não foi uma coisa só, foram diversas unidas. É como uma receita: como acabar indo à falência hospedando os melhores? Apenas Amelia Thompson tinha essa resposta. Ela implorou aos embargadores que mantivessem o Instituto aberto até a formatura. Apesar de tudo, a mulher ainda era influente e conseguira com louvor esta “benção”, mas ela não teria nem um dia a mais. Foi aí que ela começou a trabalhar, contatar quem precisava para tentar manter o seu “ganha pão” aberto. Pena que já era tarde demais, não havia muito o que eles pudessem fazer depois de tantos escândalos. A mulher havia mantido aberto enquanto pôde, agora era hora de fechar mais um ciclo, e, assim, contatar os pais dos alunos para avisar: a formatura seria o último evento.

Ato II

É o fim de um começo, o ato de passagem que todo estudante busca e agora está acontecendo com os estudantes de Eleanor Thompson e Richard Porter. Alguns estão satisfeitos com mais esse término, outros não querem se despedir da high school e tem ainda aqueles que não conseguiram o êxito de concluir e vão ter que passar mais um ano na instituição. Isso é o que eles pensam. Enquanto a solenidade acontece, Amelia mantem-se firme por fora, mas por dentro derrama-se em lágrimas constantes e a sensação de despedida aflora. Os discursos acontecem, a oradora escolhida pelas turmas está com a fala. Calmamente ela fala sobre os momentos mais bonitos que eles viveram no último ano, pena que não há muito o que dizer. A maior parte dos alunos está apenas desejando que aquilo termine logo, a outra parte está se segurando para não chorar. Convenhamos, despedidas sempre são terríveis. Juliet faz pausa no discurso, respira fundo e solta algo que ninguém esperava: “Eu sou a Secret.”

Há um reboliço. Amelia reage com os olhos arregalados e suas mãos se fecham em punho, encarando a pessoa responsável pela maior parte da sua desgraça. Não há muito mais o que dizer, então Juliet se desculpa e sai do palco montado no jardim frontal do Instituto Educacional Americano. Os burburinhos passam para gritos, e, no instante seguinte, Amelia se levanta e vai atrás da garota Juliet. O circo, então, está armado. Sem demonstrar toda a classe que tinha, a jovem diretora do que um dia foi o melhor instituto de Nova Iorque se altera, segura o braço da menina e faz voltar para o centro do palco. Com o microfone, a senhorita Thompson desaba a falar. “Foi por sua causa que perdemos o Instituto”. Isso foi suficiente para mais uma quantidade de “oooh” se instalar entre a multidão. Estava aí, então, o fim. Amelia se virou para a multidão e contou tudo, desde o dia em que sua mãe havia lhe passado a reitoria de ambos Institutos (Eleanor e Richard) até o dia em que começaram os escândalos e o fim. Não era a formatura que todos esperavam, estava longe de ser, mas foi muito melhor do que poderíamos imaginar.

uma das estudantes se irritou diante do estrago que fizeram em sua formatura, juntou sua coragem e subiu ao palco. Fez o discurso mais belo que os Institutos já viram um dia. Falou sobre as falhas e sobre as vitórias dos alunos e do lugar. A garota sabia o que dizer, conseguiu acalmar os ânimos para ter a solenidade encerrada com louvor. O que havia a saber agora: o que seria daqueles que restaram?

Ato III

Tudo o que se sabe sobre eles: são dois grandes empresários que tem tudo nas mãos agora. Depois da queda literal do maior Instituto de Manhattan, temos uma competição ainda maior pela frente. São dois que deveriam valer por um, mas há muito eles vem em uma corrida de cavalos onde o páreo é uniforme. East Side Preparatory School e West Side Academy. Lembram deles? Não? Deveriam. Será para onde serão levados a partir de agora e terão que lidar com muito mais do que apenas estudos. Dentro das escolas já existe algo feito há anos: preparações para o futuro. O que é mais engraçado entre as duas instituições? São da mesma família, dois irmãos simplesmente apaixonados por educação que decidiram criar uma única escola. Mas com o tempo, os ideiais se tornaram diferentes e cada um tomou seu rumo, dividindo-a em duas. Entre eles há uma rivalidade que não se resume a apenas um conceito acadêmico. Vai das líderes de torcida ao grupo acadêmico da olimpíada de matemática. Quem não gosta de uma pequena briga para aflorar os ânimos? Não só conflitos externos, há também os internos. Não existe mais a realeza, não existe mais os grupos dos privilegiados. Lá dentro, quem tem talento sai na frente, tendo uma conta gorda no banco ou apenas um cofrinho em casa para guardar as moedas da gorjeta. Está preparado para isso?

Ato final

Atentem-se bem: não dá mais pra ficar sobre o muro. É agora ou nunca. Decida de que lado vai estar e façam suas apostas. À partir de agora o destino das instituições está com vocês.
Secret
avatar
Admin

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum